Finalmente: Anatel proíbe venda “casada” de banda larga

Finalmente a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) adotou medidas contra as operadoras que oferecem venda casada de banda larga dentre outras práticas que até ontem fomos obrigados a “engolir”.

Anatel proíbe venda casada
Imagem por Richard Widmarck

Segundo o comunicado, as medidas acautelatórias foram feitas contra Brasil Telecom, CTBC, GVT, Oi e Telefônica e determinam que sejam interrompidas as práticas como a venda de banda larga “junto” com a telefonia fixa.

Há ainda outras medidas contra o condicionamento de vantagens para os assinantes de linha fixa dentre outras.

Mais informações você pode conferir nesta página do site da Anatel.

13 comments on “Finalmente: Anatel proíbe venda “casada” de banda larga
  1. carioca

    Seria tão bom se as leis realmente pegassem no Brasil, lembro que proibiram atende virtual, e o que se tem quando se liga pra operadora , atende virtual e cade a lei? Não é cumprida, agora deixa de pagar um dpvat fica sem o veiculo na primeira blitz, e o iptu que se paga e impostos as ruas continuam sem saneamento basico e urbarnização na maioria das ruas do Brasil e os prefeitos , governadores e politicagem em geral é quem fazem? nada só lei pra favorecer a eles…tomara que a lei funcione, porem… é Brasil.

  2. carioca

    atendente*

  3. carioca

    atendente virtual*

  4. Mauro Stone

    Nesse tipo de venda(casada),existe outros fatores que acabam submetendo o cliente(consumidor),ficar na obrigação de fidelidade com determinadas operadoras ao prazo de 1 ano.É o fim da picada!Espero que este problema também seja resolvida com a mudança.VLW,ABR!

  5. Gil

    Excelente! Esses dia tive que assinar uma linha telefoonica só por causa do Speedy.

  6. Fábio

    Essa lei também valerá para o Virtua da NET que muitas vezes obriga o assinante a ter o Net Fone para ter uma determinada velocidade de conexão, por exemplo, o Virtua 6 Mbps não é oferecido avulso e, quando é, é um preço absurdo, mas com o NET Fone ele fica uns 30% mais barato, se estamos pagando pelo serviço temos o direito de tê-lo do jeito que queremos, e não do jeito que as operadoras querem.

  7. Fernando

    Mas pessoal, uma duvida……e possivel ter a banda larga sem uma linha telefonica? quero dizer se eu nao tiver linha telefonica, é possivel pedir apenas a banda larga ADSL? E se a operadora se recusar a me vender sem ser venda casada…..como devemos proceder para defender nossos direitos…….Gostaria de dizer que esse site é o maximo…..Abraco a todos!!!

  8. Augusto

    @Fernando: Sim, é possível tem banda larga sem linha telefônica… Mas pelo que entendi, as empresas recoreram e, aparentemente, nesse caso o recurso admite “tipo” um efeito suspensivo. Ou seja, parece que a medida não ta em vigor =(

  9. Luiz Souza

    Pior do que venda casada é a maldita “fidelização”.

  10. roberto

    gostei desta portaria baixada, mas gostaria tb de uma reportagem que desmentisse os politicos que estão dizendo que a baixada ja tem ionternet grates , só se for na casa da mãe deles porque moro na baixada , e internet grates é igual cabeça de bacalhau ninguem ve

  11. Agnaldo

    Até que enfim a ANATEL fez algo que presta…

  12. Willians

    @Fernando Não é possível que me percebi, não que possa fazer isso já entrei em contato com ANATEL e essa modalidade é apenas para internet banda larga 3G, não para linha fixa que precisa ADSL.

  13. ana maria

    se existe essa lei como as operadoras não cumprem e pq não fiscalizam? a gente tenta adquirir o speedy mas vc tem que levar junto o tel fixo so internet não vendem se vc quer só o tel fixo tb nãosó se vc adquirir os dois isso é contra a lei como continuam vendendo assim? alguém será que lê nossos comentários? lógico que não os políticos que inventaram essa lei estão muito ocupados em BRASÍLIA .

Comments are closed.